Este evento já ocorreu.
As inscrições estão fechadas.

Curso Intensivo de Português como Língua Estrangeira

 

 

 

Português como Língua Estrangeira (PLE)

O que tem de “diferente” esta formação de Português como Língua Estrangeira?

O curso é essencialmente prático, privilegiando-se o recurso a simulações concretas do quotidiano social e/ou profissional dos formandos. Está orientado para o desenvolvimento de competências de oralidade sem descurar a componente (orto)gráfica que serve de suporte a qualquer idioma. 

Objetivos gerais:

Adquirir fluidez na oralidade e confiança na leitura e na escrita em língua portuguesa. 

Obejctivos específicos:

Módulo I

Reconhecer os fonemas do idioma português (vogais e consoantes) e aplicá-los em função da sua diversidade ortográfica.
Identificar e aplicar artigos, pronomes, preposições e respectivas contracções.
Elaborar frases simples com sujeito, verbo e complemento. 
Identificar e aplicar os pronomes pessoais (tónicos, reflexivos, com preposição, em forma de objecto directo e indirecto) em frases simples utilizando os diferentes modos e tempos verbais.
Corrigir a acentuação e pontuação de textos manipulados pelo formador.

Módulo II

Aplicar as técnicas de tradução básicas na tradução e retroversão de textos simples.
Dar vida e voz a um texto, respeitando a métrica dos versos (se for poesia) e o seu sentido e evitando os perigos da tradução literal das suas palavras.
Partilhar a impressão causada pelo texto e discutir com o grupo o(s) sentido(s) das palavras do autor.

Módulo III

Conversação

Destinatários:

Estrangeiros que tenham domínio passivo do Português e pretendam desenvolver as suas capacidades no âmbito da escrita
mas sobretudo da oralidade.

O formador

A formadora Dra. Ana Rita Laureano estudou Direito na Universidade Católica de Lisboa e na Universidad Pontificia de Salamanca. Foi revisora de provas e secretariou, durante 8 anos, Sophia de Mello Breyner Andresen e Saudade Cortesão Mendes. Trabalhou como assessora jurídica e comercial em Lisboa e Barcelona. Em 2010, e de regresso a Portugal, criou o método andragógico para o ensino do Espanhol a quem tem o Português como língua materna. Desde então, tem-se dedicado quase exclusivamente ao ensino do Espanhol a profissionais portugueses e do Português a estrangeiros.
Participa como leitora e moderadora em diversas actividades de âmbito cultural para dar a conhecer poesia e prosa dos dois idiomas ibéricos e recentemente criou “Quem Conta um Conta”, um clube de leitura em língua portuguesa para estrangeiros residentes em Lisboa.  

Informações e Inscrições

As inscrições estão abertas e o número de vagas é limitado!

Gravado com Sucesso.