Pintura como Terapia

A Pintura é muitas vezes vista como uma forma terapêutica de libertação ou de expansão, aconselhada até pelos profissionais de saúde como algo que auxilia o Crescimento Pessoal e necessário para a saúde mental.

Mas normalmente existe o problema de não saber por onde começar, assim este workshop surge da necessidade de quem quer pintar sem ter de aprender a desenhar. Focado numa componente essencialmente prática e de experimentação, o Workshop - Pintura como Terapia serve para expandir a criatividade, desenvolver a sensibilidade, resolver as emoções através da Pintura... Enfim encontrar o seu lugar no mundo.

Os temas a explorar:
- O que realmente conhecemos de nós próprios.
- A imagem que possuímos de nós.
- A imagem que possuímos do mundo.
- A criação artística a partir da intuição.
- O prazer emocional na criação artística.

Descubra como a Pintura se pode tornar numa terapia e os benefícios que pode trazer para a sua vida!

Formadora: Ana Borges de Castro
Vagas: 5 pessoas máximo
Custo: 65€/pessoa
Todo o material está incluído e será disponibilizado aos formandos.
Total de 7h - Com 1h de almoço das 13h às 14h.
Valor de Inscrição: 10€ (dos 65€) para garantir lugar no workshop.
Para se inscrever dirija-se à recepção do Shaqedh Spa até ao dia 06 de Março.

Ana Borges de Castro 
Formou-se no I.A.D.E. em Design de Interiores, no ano de 1989, tendo sido a segunda classificada geral do seu curso, reconhecida com um prémio entregue por António Quadros. Estagiou no Museu das Artes Decorativas de Paris, Escola do Louvre, sob a direcção de François Mathon. 
Conta no seu curriculum com as mais variadas entidades de prestigio nacional e internacional, entre elas a RTP e os Cafés Delta.
Paralelamente à sua profissão de arquitecta de interiores e decoradora, dedica-se à pintura em aguarela e
pintura mural. Ao longo do tempo tem organizado exposições de pintura para si própria e para diversos artistas plásticos, feito a coordenação e assessoria de imprensa bem como a curadoria e angariação de
patrocínios. Concebeu e editou catálogos para exposições de pintura em Portugal e no estrangeiro.
Desde 1991, participou e organizou dezenas de exposições colectivas, em diversas galerias, entre as quais - Trindade, Galeria António Clara - Exposição a favor da causa de Timor. Museu Municipal de Loures e Alcochete. Casa de Arte Ana Maria Botelho, Museu de Torres Novas, Museu de Torres Vedras, Galeria LCR em
Sintra. Atlântico Golf Hotel de Peniche, Estalagem do Convento de Óbidos, Galeria do Museu Rural do Cartaxo, Pátio Alfacinha, B.N.U. na rua Augusta, Galeria Conventual, Galeria Escada Quatro, Museu da Cidade - Exposição a Favor da Fundação Ruben Cunha. No Centro Cultural de Belém - Exposição a favor do Instituto de Apoio à Criança, Palácio da Independência a convite da Sociedade Histórica da Independência de Portugal e Museu da Água. Fez a sua primeira exposição individual em Janeiro de 1995 na Galeria Escada Quatro, em Cascais.
Está representada, com os seus «Estados de Alma» em diversas colecções particulares.

Gravado com Sucesso.